quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Barack Obama, o aborto e o aborto negro

Na Marcha pela Vida, que ocorre todos os anos em Washington D.C, uma mulher negra denuncia o racismo encoberto pelo “direito” ao aborto.
Obama é o presidente negro que vai tornar o aborto ilegal nos EUA e acabar com o genocídio silencioso de negros americanos?

Uma recente investigação sobre a Planned Parenthood, a organização que promove o acesso ao “aborto seguro” nos Estados Unidos, demonstra que ela aceita doações especificamente para abortos de bebês negros, além de ter uma clara tendência a construir clínicas em vizinhanças das “minorias raciais”.

A mudança prometida por Obama, que nem sequer é favorável a salvação da vida de um bebê que sobreviveu a um aborto (nascido com vida, portanto), bem poderia levar em consideração a realidade desse genocídio silencioso. Provavelmente os bebês de negros e os bebês de hispânicos continuarão fora do alcance do salário do presidente eleito, Barack Obama.
E comemoram a eleição de Obama porque ele é mulato e deu um tapa no racismo. Oi?

Daqui

2 comentários:

Anónimo disse...

I found this site using [url=http://google.com]google.com[/url] And i want to thank you for your work. You have done really very good site. Great work, great site! Thank you!

Sorry for offtopic

Anónimo disse...

Who knows where to download XRumer 5.0 Palladium?
Help, please. All recommend this program to effectively advertise on the Internet, this is the best program!